Download Image:
Inside Small-Sided: Rio de Janeiro
Download Image:
Inside Small-Sided: Rio de Janeiro
Download Image:
Inside Small-Sided: Rio de Janeiro
Download Image:
Inside Small-Sided: Rio de Janeiro
Download Image:
Inside Small-Sided: Rio de Janeiro
Download Image:
Inside Small-Sided: Rio de Janeiro
Download Image:
Inside Small-Sided: Rio de Janeiro
Download Image:
Inside Small-Sided: Rio de Janeiro
Download Image:
Inside Small-Sided: Rio de Janeiro
Download Image:
Inside Small-Sided: Rio de Janeiro
Download Image:
Inside Small-Sided: Rio de Janeiro
Download Image:
Inside Small-Sided: Rio de Janeiro
Download Image:
Inside Small-Sided: Rio de Janeiro
Download Image:
Inside Small-Sided: Rio de Janeiro
May 29, 2015

Inside Small-Sided: Rio de Janeiro

  • English
  • Español
  • Português

Inside Small-Sided: Rio de Janeiro

Dentro de la cancha chica: Rio de Janeiro

Por dentro do futebol jogado em espaços reduzidos: Rio de Janeiro

As the most decorated nation in global football, Brasil needs little introduction. Nor does the country’s second largest city, Rio de Janeiro – famed for its carnival, bustling beaches and football.

Rio is home to four of the biggest teams in Brasil and one of the world’s most historic stadiums. Some of the most historic events in football’s history have unfolded in this city. The sprawling tropical municipality boasts its fair share of passionate fans, for whom football means everything. However, residents also enjoy non-competitive football with a sense of freedom, improvisation and creative flair.

Como la nación más condecorada del fútbol mundial, Brasil no necesita presentación. Tampoco necesita presentarse la segunda ciudad más grande del país, Río de Janeiro - famosa por su carnaval, sus bulliciosas playas y por el fútbol.

Rio alberga cuatro de los mayores equipos de fútbol de Brasil y es sede de uno de los estadios más históricos del mundo. Algunos de los eventos más importantes en la historia del fútbol se han desarrollado en esta ciudad. Este extenso municipio tropical hace alarde de sus apasionados hinchas, para quienes el fútbol es todo. Sin embargo, el fútbol no competitivo es disfrutado a pleno, con un sentido único de libertad y un claro desprecio por los errores.

Por ser a nação mais vitoriosa do futebol mundial, o Brasil dispensa qualquer apresentação. O mesmo vale para a segunda maior cidade do país, o Rio de Janeiro, famoso pelo carnaval, pelas praias e, principalmente, pelo futebol.

O Rio é a casa de alguns dos maiores times do Brasil, e tem como cartão postal um dos estádios mais emblemáticos do mundo, que, recentemente, foi palco da final do maior evento de futebol do planeta. Assim como para os brasileiros em geral, para os milhões de torcedores apaixonados que residem na cidade maravilhosa o futebol é muito mais do que um simples esporte. Por isso, não são só os jogos dentro dos estádios que são valorizados pelos cariocas, mas também as “peladas” e partidas informais jogadas no dia a dia por milhões de jovens que encaram o futebol de forma mais leve e divertida, e que também enxergam o esporte como uma oportunidade de vida.

In Rio most children grow up kicking a ball practically in tandem with their first steps. Football equates to fun; a means to meet people, interact and grow. For many young people, football exists at the center of their social relationships.

En Río, la mayoría de los niños crecen pateando una pelota prácticamente al tiempo que van dando sus primeros pasos. Fútbol equivale a diversión; un medio para conocer gente, interactuar y crecer. Para muchos jóvenes, el fútbol existe en el centro de sus relaciones sociales.

No Rio, a maioria das crianças aprende a andar e dá os seus primeiros passos já com uma bola nos pés. Futebol significa diversão, uma maneira de fazer amigos, interagir e crescer. Para muitos jovens, o futebol está no centro das suas relações sociais.

“Growing up I always had a ball with me, it didn’t matter where I was, football was always the first and last thing on my mind. Playing on the street is a lot of fun but it is also where I learned how to use the ball effectively. When there’s less space to play you are forced to be more creative with the ball.” – Ronaldinho, midfielder.

"Mientras crecía, siempre tuve una pelota conmigo, no importaba dónde estaba, el fútbol siempre fue la primera y la última cosa en mi mente. Jugar en la calle es muy divertido, pero es también donde aprendí cómo utilizar la pelota con eficacia. Cuando hay menos espacio para jugar te ves obligado a ser más creativo con el balón "- Ronaldinho, mediocampista.

“Quando criança, eu sempre tinha uma bola comigo. Não importava aonde, o futebol era sempre a primeira e a última coisa que me vinha à cabeça. Jogar na rua é muito divertido, mas foi também onde aprendi como usar a bola efetivamente. Quando há menos espaço para jogar, você é obrigado a ser mais criativo com a bola”, conta Ronaldinho Gaúcho.

Thiago Martins rose to fame through the theatre group "Nós do Morro” and the film “City of God.” Martins also has a small-sided team with his friends called “Vidigal Futebol Clube.”

Thiago Martins saltó a la fama a través del grupo de teatro "Nós do Morro" y la película "Ciudad de Dios". Martins también tiene un equipo de fútbol reducido con sus amigos llamado "Vidigal Futebol Clube."

Thiago Martins ficou famoso depois de participar do grupo de teatro "Nós do Morro” e do filme “Cidade de Deus”. Thiago também tem um time de futebol society, que ele e seus amigos chamam de “Vidigal Futebol Clube.”

PELADA, FOOTBALL FOR FUN

The vast majority of pitches, both indoor and outdoor, in Rio’s inner city are designed for 7-a-side games or smaller. The city offers hundreds of local small-sided leagues for players of all ages and Brasil has one of the most established professional football leagues in the world, but most small-sided games are informal.

Play can happen at anytime and on any surface, from beach to court to turf. The NikeFootballX collection factors in these variables and is explicitly designed with the small-sided style and surfaces in mind.

Regardless of the surface, the football played here is highly skillful, free-flowing and fast-paced – technique always outshining athleticism. While concentration levels remain high, so is the number of visible smiles – the rhythmic passing and eloquent touches mix in equal measure with laughter and light-hearted banter.

PELADA, FUTBOL POR DIVERSIÓN

La gran mayoría de las canchas de fútbol reducido en el corazón de la ciudad de Río de Janeiro - tanto en el caso de canchas cerradas como al aire libre-- está diseñada para partidos de 7 contra 7 o más. La ciudad ofrece cientos de ligas de fútbol reducido para jugadores de todas las edades y Brasil tiene una de las ligas profesionales de fútbol reducido más reconocidas del mundo, si bien la mayoría de los partidos de fútbol reducido son informales.

Los partidos pueden ocurrir en cualquier momento y en cualquier superficie, ya sea en la playa, en el cemento o sobre césped. La nueva colección de NikeFootballX tiene en cuenta estas variables y los productos han sido diseñados de forma explícita teniendo en mente el estilo y las superficies del fútbol chico.

Independientemente de la superficie, el fútbol que se juega aquí requiere mucha habilidad, destreza y ritmo rápido – la técnica siempre superando a la destreza atlética. Mientras los niveles de concentración se mantienen más visibles, las sonrisas - el paso rítmico y los toques elocuentes-se mezclan en partes iguales con risas y bromas alegres.

‘PELADA’, FUTEBOL SÓ PELA DIVERSÃO

A grande maioria das quadras e campos de futebol do Rio, seja ao ar livre ou coberto, foi projetada para jogos com sete jogadores ou menos de cada lado. Além de o Brasil possuir um dos campeonatos profissionais mais consolidados e disputados do futebol mundial, o país, e inclusive o Rio, também chama a atenção pelas centenas de ligas amadoras, criadas especialmente para este tipo de jogo em espaços reduzidos, que fazem parte do dia a dia de jogadores de todas as idades, profissionais ou não.

O futebol no Rio é jogado a qualquer hora e sobre qualquer tipo de superfície: na praia, na quadra, na rua ou no gramado. A coleção NikeFootballX considera essas variáveis e, por isso, foi projetada para o futebol jogado em espaços reduzidos e todas as suas possíveis superfícies.

Independente da superfície, o futebol jogado no Rio é definido por habilidade, velocidade e naturalidade, com a técnica sempre se sobressaindo à condição física dos jogadores. O carioca é capaz de equilibrar com proeza concentração e foco com a alegria de jogar, esbanjando sempre ginga e, especialmente, um sorriso no rosto durante a maior parte dos jogos. Principalmente em partidas informais, passes precisos e lances de genialidade são vividos e celebrados com risadas, brincadeiras e descontração. No Rio, o futebol é levado muito a sério sem tanta seriedade.

“We’ve met with small-sided players all over the world, including in Latin America and they want the same performance benefits that Nike Magista and Mercurial provide, but with outsoles unique to their game,” says Max Blau, VP of Nike Football Footwear.

"Nos hemos reunido con jugadores de fútbol reducido de todo el mundo, incluso en América Latina y todos buscan los mismos beneficios de rendimiento que aportan los Magista o los Mercurial, pero con suelas únicas para su juego", dice Max Blau, el vicepresidente de Calzado de Fútbol de Nike.

“Nós nos encontramos com jogadores do mundo todo que costumam jogar futebol em espaços reduzidos, inclusive na América Latina, e eles querem as mesmas vantagens de desempenho que a Nike Magista e a Nike Mercurial proporcionam, mas com solados específicos para este tipo de jogo”, diz Max Blau, Vice-Presidente da Nike Futebol para Calçados.

“With football, you have to think fast. We have to do things as quickly as possible. I think that has helped me a lot. Teammates have to play closer to one another. Approaching and thinking fast are skills that I’ve taken with me to the big pitch,” says Gerson, midfielder, Brasil U21.

"En el fútbol, ​​tienes que pensar rápido. Tenemos que hacer las cosas lo más rápido posible. Creo que eso me ha ayudado mucho. Los compañeros de equipo tienen que jugar más cerca el uno del otro. Acercarse y pensar rápido son las habilidades que he llevado conmigo a la cancha de 11", dice Gerson, Medio campista de Fluminense y de la Selección Sub 21 de fútbol de Brasil.

“No futsal você tem que pensar rápido. É preciso tomar decisões o mais rápido possível. Acho que isso me ajudou muito na minha carreira. Quando o espaço é reduzido, os companheiros de time têm que jogar mais próximos uns dos outros. Aproximação e pensamento rápido são habilidades que aprendi no futsal e que hoje levo comigo para o campo”, diz o meia Gerson.

This play develops from deep, life-long bonds among players on the same team. Even rival teams from the same neighborhood seem to get on well and joke with one another, highlighting football’s role as an integral social element – the bond binding all generations.

Este juego proviene de lazos profundos y duraderos entre los jugadores del mismo equipo, incluso los equipos rivales de la misma vecindad parecen llevarse bien y bromear entre sí – lo que muestra el papel del fútbol como un lazo social integral – lo que une a todas las generaciones.

O futebol é fruto de conexões profundas e duradouras entre os jogadores do mesmo time, e até mesmo entre jogadores de times rivais do mesmo bairro. Independente da competição e rivalidade, eles se dão bem e se divertem uns com os outros, enfatizando o papel do futebol como elemento de integração social, como um esporte capaz de unir todas as gerações.

Gerson
Midfielder, Fluminense
“When I started training with my dad, and some friends there, from where I lived, we'd train there on the street; my father would place a few cones there and would put us to train. I think that I will always remember that in my life.
On the court we would be playing, smiling, you can try different moves, knowing that if we make a mistake there, nothing will happen. Having the personality to play, to always be available in the game, never hiding from the game. I think that was fundamental.
All Brasilian players are very bold and here in Rio too, most players are not afraid of trying a new move, of attacking the opponent - boldness is how many would describe it.”
Gerson
Mediocampista, Fluminense
"Cuando empecé a entrenar con mi padre y con algunos amigos de donde yo vivía, entrenábamos en la calle; mi padre ponía unos conos allí y nos ponía a entrenar. Creo que siempre voy a recordar siempre eso en mi vida.
En la cancha jugábamos, sonreíamos, probábamos diferentes movimientos, sabiendo que si cometíamos un error allí, no pasaba nada. [2:07-02:18] Se trataba de tener la personalidad para jugar, para estar siempre disponibles en el juego, nunca evadiendo el juego. Creo que eso fue fundamental
Todos los jugadores brasileños son muy audaces y aquí en Río también; la mayoría de los jugadores no tiene miedo de intentar un nuevo movimiento, de atacar al oponente: audacia es una forma de describirlo ".
Gerson
Fluminense
“Quando comecei a treinar com meu pai, e alguns amigos, lá onde eu morava, a gente tinha que treinar na rua, meu pai colocava alguns cones pra marcar e nos botava pra treinar. Acho que sempre vou me lembrar disso.
Na quadra a gente jogava, ria, tentava diferentes lances, sabendo que se errássemos ali, nada aconteceria. [02:07 – 02:18] Ter personalidade para jogar, estar sempre disponível no jogo, nunca fugir do jogo. Acho que isso era fundamental
“Todos os jogadores brasileiros são muito ousados e aqui no Rio não é diferente, a maioria dos jogadores não têm medo de tentar um lance novo, ou de atacar o adversário – enfim, de ser ousado, como muitas pessoas dizem”.
Edgardo Bauza
Coach for Club San Lorenzo de Almagro
“When I started training with my dad, and some friends there, from where I lived, we'd train there on the street; my father would place a few cones there and would put us to train. I think that I will always remember that in my life."
Edgardo Bauza
Entrenador del Club San Lorenzo de Almagro
"Cuando empecé a entrenar con mi padre y con algunos amigos de donde yo vivía, entrenábamos en la calle; mi padre ponía unos conos allí y nos ponía a entrenar. Creo que siempre voy a recordar siempre eso en mi vida."
Edgardo Bauza
Club San Lorenzo de Almagro
“Quando comecei a treinar com meu pai, e alguns amigos, lá onde eu morava, a gente tinha que treinar na rua, meu pai colocava alguns cones pra marcar e nos botava pra treinar. Acho que sempre vou me lembrar disso."

A UNITING FORCE

One place where football brings people together on a daily basis in Rio is Praça Manet, Del Castilho – a neighborhood in Rio where sport and music act as the glue that binds the community. At one time the neighborhood had many football pitches; today it has just one sports complex at its center, composed of two small-sided pitches that double-up as basketball and volleyball courts. Revamped by the local government in 2010, the complex looks as though it’s seen plenty of use.

Una fuerza unificadora

Un lugar donde el Fútbol une a la gente todos los días en Río es Praça Manet, Del Castilho - un barrio en Río donde el deporte y la música funcionan como el pegamento que une a la comunidad. Hubo un tiempo en el cual el barrio tenía muchas canchas de fútbol- hoy tiene sólo un complejo deportivo como centro - compuesto por dos pequeñas canchas de baloncesto y de voleibol. Renovadas en 2011 por el Gobierno local, hoy en día parece que el complejo ha tenido ya un montón de uso.

A FORÇA DA UNIÃO

Um lugar em que o futebol reúne as pessoas diariamente no Rio é a Praça Manet, em Del Castilho, um bairro onde esporte e música funcionam como o elo que une a comunidade. Houve uma época em que o bairro tinha muitas quadras de futebol, hoje, porém, o lugar conta com somente um complexo esportivo bem no centro da praça: são duas quadras, específicas para os jogos disputados em espaços reduzidos, que servem também como quadras de basquete e de vôlei. Reformulado pelo governo local em 2010, o complexo é constantemente utilizado pelos jovens do bairro.

“Joy, pleasure, courage, football gives me all that is good. It is a passion because it gathers everybody, all races, colors, there is no difference, just friendship.” – Vinicius Silva da Costa Moraes, midfielder at Praça Manet

"Alegría, placer, el coraje, el fútbol me da todo lo que es bueno. Es una pasión, ya que reúne a todo el mundo, todas las razas, colores, no hay ninguna diferencia, simplemente la amistad. "- Vinicius Silva da Costa Moraes, Medio campista de Praça Manet

“Alegria, prazer, coragem. O futebol me dá tudo o que é bom. É uma paixão porque reúne todo mundo, todas as raças, cores, não há diferença, só amizade”, afirma Vinicius Silva da Costa Moraes, meia do time da Praça Manet.

At Praça Manet’s caged pitches, there are more people watching the game than there are playing it – this is the place to go and hang out while football, chess and live music all play out. Small-sided is at the core of this community but it’s also a platform that helps kids understand the value of dedication, practice and commitment.

En las canchas alambradas de Praça Manet hay más gente viendo el partido que jugando, - este es el lugar al que la gente va a pasar el rato, mientras el fútbol, ​​el ajedrez y la música en vivo juegan fuera. El fútbol reducido es el núcleo de esta comunidad pero también es una plataforma que ayuda a los niños a comprender el valor de la dedicación, la práctica y el compromiso.

Nas quadras cercadas da Praça Manet tem mais gente assistindo aos jogos do que jogando – é o lugar para ir e passar o tempo, enquanto futebol, xadrez e música ao vivo acontecem simultaneamente. O futebol jogado em espaços reduzidos está no coração desta comunidade, mas é também uma plataforma que ajuda os garotos a entender a importância do treino e de valores como disciplina e comprometimento.

“Some kids play because they think one day they might become rich or famous and some might, but even if they don’t, football gives them important personal and social tools that will allow them to be good students, work hard and be responsible figures in our community.” – Adilson de Almeida, Praça Manet’s community leader

"Algunos niños juegan porque piensan que algún día podrían llegar a ser ricos o famosos y algunos tal vez lo logren, pero incluso si no lo hacen, el fútbol les da herramientas personales y sociales importantes que les permiten ser buenos estudiantes, trabajar duro y ser figuras responsables en nuestra comunidad. "- Adilson de Almeida, líder comunitario de Praça Manet

“Alguns garotos jogam porque pensam que um dia poderão ficar ricos ou famosos, e alguns podem ficar, mas mesmo que não fiquem o futebol dá a eles importantes ferramentas pessoais e sociais que vão ajudá-los a serem bons alunos, trabalhar duro e se tornarem cidadãos responsáveis em nossa comunidade”, comenta Adilson de Almeida, líder comunitário da Praça Manet.

FOOTBALL AS A FOUNDATION

A similar sentiment is echoed in Morro dos Prazeres on the south side of the metrolpolis. Orlando Dato, postman and community worker, has organized small-sided football since the mid 1980s. He continues a tradition that his father began in the 1970s as a means to provide youths with a brighter future.

EL FUTBOL COMO PRINCIPIO

Un sentimiento similar se hizo eco en Morro dos Prazeres, al sur de la ciudad. Orlando Dato, cartero y trabajador comunitario, organiza partidos de fútbol reducido, entre las muchas otras actividades en la zona, desde mediados de la década de 1980. Continúa una tradición que su padre inició en la década de 1970s como un medio para proporcionar a los jóvenes un futuro más brillante.

O FUTEBOL COMO BASE SOCIAL

Um sentimento similar ecoa no outro lado da cidade, no Morro dos Prazeres. Lá o educador da comunidade, Orlando Dato, organiza jogos de futebol e muitas outras atividades no bairro desde meados dos anos 80. Ele mantém uma tradição que seu pai começou nos anos 70 como meio de dar aos jovens um futuro melhor.

“I’ve always worked with football and have realized that, everybody wants to play – it’s my secret tool. I use football as ‘a passport’ for the youth to get in ‘the social airplane’ and learn dignity.” – Orlando Dato, community teacher in Morro dos Prazeres.

"Siempre he trabajado con el fútbol y me he dado cuenta de que todo el mundo quiere jugar - es mi herramienta secreta. Es por eso que uso el fútbol como 'pasaporte' para que los jóvenes entren en ‘el avión social’ y aprendan ‘dignidad’” -. Orlando Dato, profesor comunitario de Morro dos Prazeres.

“Eu sempre trabalhei com futebol e descobri que todo mundo quer jogar, então fiz dele a minha carta na manga. É por isso que uso o futebol como ‘passaporte’ para os jovens chegarem no ‘avião social’ e aprenderem a ter dignidade”, explica Orlando Dato, educador comunitário no Morro dos Prazeres.

“It’s a human thing. We only listen to our friends – especially when we are young. If our father is a friend, we will listen to him. Through football, I´m a friend to the kids in this neighborhood. And because I’m a friend, I can influence them with my ideas” says Dato.

"Es una cosa humana. Nosotros sólo escuchamos a nuestros amigos - especialmente cuando somos jóvenes. Si nuestro padre es un amigo, lo voy a escuchar. A través del fútbol, ​​soy amigo de los niños de este barrio. Y porque soy un amigo puedo influir en ellos con mis ideas," dice Dato.

“Nós só ouvimos nossos amigos, especialmente quando somos jovens. É uma coisa humana. Se o nosso pai for nosso amigo, nós iremos ouvi-lo. Por meio do futebol, eu fico amigo dos garotos deste bairro. E porque sou amigo, posso influenciá-los com minhas ideias”, diz Dato.

NO TALENT WITHOUT TRAINING

Outsiders often mistake the sense of joy and ease of Brasilian play for innate ability. In reality, Brasilian play is defined by almost constant contact with the ball.

NO HAY TALENTO SIN FORMACIÓN

Los de afuera a menudo confunden el sentido de la alegría y la facilidad del juego brasileño, con una habilidad innata. En realidad, el juego brasileño es producto del contacto casi constante con la pelota.

NÃO HÁ TALENTO SEM TREINO

As pessoas de fora sempre confundem a sensação de alegria e tranquilidade com uma espécie de habilidade natural do futebol brasileiro. A realidade é que o futebol do jogador brasileiro é fruto do contato quase constante que ele tem com a bola.

“As a coach in Rio, I rarely have to teach kids much about technique; they develop that on their own because they play football from a very young age. But to be a complete player you need to develop physically, mentally and tactically – that’s our challenge to equip the kids with everything.” – Eduardo Oliveira, Coach, Seleção Aterro

"Como entrenador en Río raramente tienes que enseñar a los niños mucho sobre la técnica, ellos desarrollan su técnica propia porque juegan al fútbol desde una edad muy joven. Pero para ser un jugador completo, hay que desarrollarse física, mental y tácticamente - ese es nuestro desafío para equipar a los niños con todo."- Eduardo Oliveira, Entrenador de la Seleção Aterro

‘Ser técnico no Rio é um pouco diferente. Eu raramente tenho que ensinar muita técnica para os garotos, eles a desenvolvem muito por conta própria, já que jogam futebol desde muito pequenos. Mas para ser um jogador completo você precisa se desenvolver fisicamente, mentalmente e taticamente – esse é o nosso desafio, capacitar os garotos com tudo isso’’, explica Eduardo Oliveira, técnico da Seleção Aterro.

Today, kids are pushing themselves further from an earlier age to become more well-rounded players. Through the internet, kids see how their idols train and hear words of wisdom from elite athletes and the young players integrate the advice into their lifestyle.

Hoy en día los niños se están empujando a ir más lejos desde una más temprana edad a ser jugadores más completos- a través de Internet ven entrenar a sus ídolos, escuchan palabras sabias de los jugadores de elite y los jóvenes jugadores integran estas recomendaciones en su estilo de vida.

Hoje os garotos estão se esforçando muito desde muito cedo para se tornarem jogadores melhores. Pela internet, eles podem ver como seus ídolos treinam e ouvir conselhos dos grandes jogadores. Essa “proximidade” faz com que eles possam absorver esse conhecimento e, desta forma, aplicar tudo isso em seu estilo de vida.

“There’s plenty of talent in Rio, and in all of Brasil because we love football and we grow up with it. But without good mentors and a dedicated close circle of people around you it can be hard to capitalize on that talent. Coaches must push themselves to keep the training fresh and fun to keep players engaged and enthusiastic. It’s about being restless in a way, never feeling like you have it all figured out – which is a good rule for football and a great rule for life.” – Eduardo Oliveira

"Hay un montón de talento en Río de Janeiro, y en todo Brasil, porque amamos el fútbol y crecimos con él. Pero sin buenos mentores y sin un estrecho círculo dedicado de gente a tu alrededor, puede ser difícil capitalizar ese talento. Los entrenadores deben esforzarse para mantener el entrenamiento fresco y la diversión con el fin de mantener a los jugadores comprometidos y entusiasmados. Se trata de ser inquietos en cierto modo, no sentir que se tiene todo resuelto, lo que es una buena regla para el fútbol y una gran regla para la vida "- Eduardo Oliveira

“Há muito talento no Rio e em todo o Brasil, porque nós amamos futebol e crescemos com ele. Mas sem bons mentores e um círculo de pessoas dedicadas à sua volta, pode ser difícil capitalizar esse talento. Os técnicos precisam se esforçar para manter os treinos leves e divertidos, e conseguir manter os jogadores envolvidos e entusiasmados. Tem a ver, de certo modo, com uma atitude incansável, sem achar que você já sabe de tudo e tem A vida resolvida, o que é uma boa regra para o futebol e uma ótima regra para a vida”, finaliza Eduardo Oliveira.

With intense competition of global football countries, the current crop of teenage players seems even more focused than previous generations to leave their mark on the game.

Con una intensa competencia en el fútbol global, la actual generación de jugadores adolescentes parece aún más enfocada que las generaciones anteriores en dejar su huella en el juego.

Com a grande competição existente hoje no futebol mundial, a atual safra de jovens jogadores brasileiros parece ainda mais focada que as gerações anteriores em deixar sua marca na história do futebol mundial.

“Here there’s a thing called ‘mutirão’ (a joint effort) – it’s how we get things done. The sense of unity and community in Rio are what keep us going forward.” – Thiago Martins

“Aquí hay una cosa que se llama' mutirão '(un esfuerzo conjunto) - es la forma en que se hacen las cosas. El sentido de unidad y de comunidad de Río son lo que nos mantienen andando hacia delante.” - Thiago Martins

“Aqui tem uma coisa chamada mutirão, amizade, é como fazemos as coisas. No Rio, a sensação de união e comunidade é o que nos faz caminhar para frente”, declara o ator Thiago Martins.

From Mexico City to Rio de Janeiro, via Buenos Aires and Santiago – this Nike News series looks at how the small-sided game continues to influence the development of football in Latin America ahead of the 2015 Copa América and beyond.

Desde Ciudad de México hasta Río de Janeiro, pasando por Buenos Aires y Santiago, esta serie de Nike News busca indagar acerca de cómo el fútbol reducido continúa ejerciendo una gran influencia en el desarrollo del fútbol latinoamericano de cara a la Copa América 2015 y más allá.

Da Cidade do México ao Rio de Janeiro, passando por Buenos Aires e Santiago – a poucas semanas da Copa América 2015, essa série especial de reportagens do Nike News aborda como o futebol jogado em espaços reduzidos continua a influenciar o desenvolvimento do esporte na América Latina.